PolíciaPolícia

Polícia divulga imagens de assalto a posto de gasolina na Região Oceânica

1
Tamanho da fonte: A- A+ Por: Lislane Rottas 10/05/2012

Após serem rendidos por criminosos, funcionários e clientes foram agredidos com socos e garrafas de vidro. Polícia já teria identificado assaltantes do bando

A polícia divulgou nesta quinta-feira, as imagens do assalto a um posto de gasolina em Itaipu, na Região Oceânica. O crime aconteceu no início da madrugada de quarta-feira e deixou funcionários e vítimas muito assustados com a violência dos bandidos. Nesta quinta-feira, O comandante do 12º BPM (Niterói), Wolney Dias, se reuniu com o delegado titular da 81ª DP (Itaipu), Gabriel Ferrando, para traçar estratégias conjuntas a fim de prender a quadrilha. Ele deu a entender que a polícia já teria identificado alguns dos integrantes do bando.

O vídeo divulgado mostra o momento em que os assaltantes agridem funcionários e clientes enquanto roubam os pertences. “Foi horrível, eles já entraram agredindo todo mundo, deram vários tapas e socos no meu rosto e depois começaram a jogar garrafas em cima de todos. Estou machucado e muito abalado e não sei se ainda tenho condições de trabalhar”, desabafou uma das vítimas, de 24 anos.

Para chegar ao posto, a quadrilha havia sequestrado uma van de passageiros em São Gonçalo. Todos foram mantidos amarrados no assoalho do veículo durante o assalto ao estabelecimento.

A psicóloga e Coordenadora do Núcleo de Educação e Saúde no Trabalho da UFF, Hilda Alevato, explica que vítimas de assaltos violentos podem desenvolver uma patologia referente ao estresse pós-traumático.

“Quando alguém passa por uma situação dessa natureza, é provável que haja um tipo de estresse agudo que pode ocasionar síndrome do pânico, fobia ou até mesmo depressão. Mesmo depois que a pessoa passa por um tratamento e retorna ao trabalho, esses sintomas podem voltar porque o indivíduo volta para o ambiente em que foi causado o trauma”, explica. 

 


O FLUMINENSE


AVALIE:

 

Enviar para amigo Imprimir

Comente a Notícia

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Grupo O Fluminense. Mensagens que contenham ofensas, acusações e palavrões ou xingamentos não serão publicadas.

Comentários

Esta matéria possui 15 comentário(s)
  1. Odeio bandido - 11/05/2012 - 00:40

    existe direitos humanos pra um bandido desses?

  2. Guilherme - 11/05/2012 - 10:21

    Que todas as vítimas registrem a ocorrência na 81ªDP e façam reconhecimento através das fotos já existentes de criminosos que atuam na área.

  3. Gabriela - 11/05/2012 - 13:48

    Alguém sabe aonde fica esse posto? É um absurdo termos que viver com medo, somos todos reféns dessa violência absurda que tomou conta de Niterói! O pior é que esse povo vai preso e rapidinho está na rua de novo... VERGONHA!!!

  4. mar - 11/05/2012 - 02:14

    Meus Deus!!! eu infelizmente, sei o quanto isso é terrível, depois que se sofre assalto.
    Se o governo, principalmente, esses políticos que ganham lá em Brasilia, para não fazerem nada, pela população, passassem por esses traumas, que a população vem passando. Tenho certeza que já teriam tomado providências e mexeriam nas leis...

  5. PAULO CESAR OLIVEIRA - 11/05/2012 - 08:55

    O que merecem esses facínoras, que torturaram as pessoas nesse assalto? Srs. congressistas, já está na hora de mudar nossas leis. Olha a reforma do código penal.

  6. FALA MESMO - 11/05/2012 - 09:21

    quando pegar estes criminosos quero ver acara deles chorando cambada de vagabundo.

  7. José Cauby Fonseca Souza Filho - 11/05/2012 - 14:14

    Moro em Itaipu e me sinto indefeso com essa violencia desenfreada. Peço mais policiamento para região que é afastada e entrague a sorte, principalmente, a noite.

  8. s.o.s santa rosa - 11/05/2012 - 18:16

    Quando forem presos, eles vão ganhar auxilio reclusão para seus familiares. Comida na sela e depois os direitos humanos salvam eles.

  9. Marialva - 11/05/2012 - 14:58

    No Brail, os bandidos que ficam em Brasília, são protegidos por Imunidade Parlamentar.
    No resto do Brasil, os bandidos são protegidos por Direitos Humanos.
    Isto é: Se um bandido matar alguém da sua família, criança, idoso ... seja lá que for, está tudo bem. Ele só matou alguém.
    Mas, se você matar o bandido que matou alguém da sua família, você está ferrado, meu amigo ! Além de ser condenado por homicídio doloso, terá que indenizar a família do bandido !!! rsrsrsr
    BRASIL SIL SIL SIL SIL SIL ...

  10. Gomes - 11/05/2012 - 22:04

    Os desgraçados não se contentam apenas em roubar e ainda se sentem no direito de agredir. A polícia tem que parar de prender e mandar esses vagabundos pra vala! Operação Bandido Morto, eu apoio!

  11. ARMANDO CRUZ - 12/05/2012 - 21:18

    Tornou-se urgente o bloqueio do acesso à lagoa de Piratininga pelas avenidas Raul de Oliveira (SETE) e A. Torres. ELEITORES vamos agir rápido, pela nossa segurança! A ciclovia tem que ter entrada e saída controladas pela PM ou GM para viabilizar UM EFETIVO BLOQUEIO que liberte a comunidade do entorno da lagoa da ação nefasta dos meliantes e da presença da classe média que acessa essa rota para sair do asfalto, e, pela preservação da segurança das residências das ruas perpendiculares à ciclovia.

  12. ARMANDO CRUZ - 12/05/2012 - 21:26

    A indiferença das autoridades públicas com esta conhecida rota de fuga, a ciclovia, é a mesma que a prefeitura e o 12ºBPM demonstraram quando afirmávamos que havia uma migração da bandidagem para esta região. Agora, não querem admitir ser a ciclovia, rota alternativa da criminalidade. Os imóveis desvalorizados é a alegria dos corretores e o sonho virou pesadelo para muitos que investiram na região em casas e comércio. Vamos às urnas! Não acreditem em promessas! Exija AÇÃO! PROVIDÊNCIA, RESPEITO!

  13. Rafael Vale - 13/05/2012 - 01:35

    Região Oceânica esta cheio disso é assaltos, é bingos, etc... tem que trocar o delegado porque esse não faz nada!!!

  14. erico lemos - 15/05/2012 - 10:21

    Aposto que aqueles que investiram na orla da lagoa de Pira, são os nefastos forasteiros que vieram de longe e trouxeram a violenciaa pra cá. Niteroi para niteroienses. Fora forasteiros, voces não são bem vindos.

  15. Cesar - 15/05/2012 - 15:50

    Esses marginais vieram por Maricá,(fato já confirmado) pela serrinha de Itaipuaçu, vieram de São Gonçalo via Maricá onde passam tranquilamente e retornam impunes.

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.