PolíciaAssaltos

Assaltos a residências voltam a preocupar em Santa Rosa

3
Tamanho da fonte: A- A+ Por: Lislane Rottas 28/03/2012

Três casas de uma mesma rua do bairro teriam sido alvo de bandidos. Último assalto foi no domingo. Moradores já se mobilizam para reivindicar retomada do policiamento

Mais uma onda de assaltos está assustando a população de Santa Rosa, Zona Sul de Niterói. Em menos de uma semana mais três residências já foram assaltadas e os moradores do local dizem que estão apavorados e não conseguem retomar o clima de tranquilidade que antes era característico do bairro.

O último assalto ocorreu no domingo, na Rua Dom Luiz Lasagna. Relatos de um morador, que conseguiu ver a ação dos criminosos através do circuito interno de segurança, descrevem a ação dos bandidos.

“Vi os homens andando na rua e olhando para os imóveis, passados alguns instantes eles entraram em uma casa. Depois de quase 20 minutos eu acompanhei o momento em que eles carregavam televisões e outros objetos de valor. Fiquei em pânico porque aquela situação poderia ter acontecido comigo também”, declarou.

De acordo com um outro morador, cerca de quatro homens armados teriam aproveitado o momento em que uma funcionária estava saindo da residência. Eles teriam rendido a dona do imóvel que estava na cozinha e em seguida, teriam ido até a sala e anunciado o assalto.

O morador conta ainda que um bandido teria agredido um dos filhos do casal com o cabo de uma arma e depois chegou a trancar todas as quatro pessoas em um cômodo. Para finalizar os momentos de tensão, eles deixaram a mensagem: “Terror aos bacanas” escrito na geladeira.

“Não podemos ficar reféns do medo, infelizmente temos que conviver com essa situação. Aqui era tranquilo para viver, agora nós não temos segurança para entrar e sair de casa”, afirmou.

Outra pessoa que mora nessa mesma rua, ao chegar em casa nesta segunda-feira, percebeu que um Honda Civic preto estava estacionado em frente a sua residência, com medo, o morador retornou e foi até o posto policial mais próximo para conseguir uma escolta policial.

O comandante do 12° BPM (Niterói), coronel Wolney Dias, disse que o batalhão está empenhado para coibir esses tipos de crimes na região. “Os moradores podem contar, que nós vamos intensificar o policiamento nessas áreas”, afirmou Wolney.

O setor responsável da 77ª DP (Icaraí) afirmou que as investigações dos crimes de assaltos a residências estão em andamento.

Moradores e policiais traçam meta contra o crime

De um lado moradores do Pé Pequeno, em Santa Rosa, em sua grande maioria vítimas de assaltos, reivindicando por maior efetivo policial nas ruas, por implantação de uma associação de moradores no bairro, inclusive poda de árvores. Sobretudo uma definição quanto à retomada do policiamento comunitário. Do outro, policiais do 12ºBPM (Niterói), juntamente com secretários, vereadores e lideranças comunitárias tentando, mais uma vez, convencer a população a registrar ocorrências, de modo a facilitar o trabalho da Polícia Civil no levantamento de informações, identificação e captura de criminosos que vêm aterrorizando a Região Oceânica e zonas Sul e Norte da cidade.

“Estamos desesperados. Não há uma pessoa que eu conheça que não tenha sofrido um tipo de violência, nos últimos meses. É preciso que seja implantada, urgentemente, uma associação de moradores no Pé Pequeno”, disse o administrador de empresas, Luiz Alberto Marins, durante assembleia em uma escola na Zona Sul, na noite de ontem.

“Câmeras de monitoramento nos postes e uma central de operações seriam boas ferramentas para baixar o índice de criminalidade”, acredita Rita Ramirez, moradora de Piratininga e dona de uma loja de material de construção na região. 

Coordenador Operacional de Análise Criminal do 12ºBPM, major Caetano informou aos moradores que o suposto aumento de assaltos a residências não é só um problema de Niterói, mas sim em todo o Estado. “O planejamento é feito de acordo com os registros de ocorrência. Sem registro, não há ‘mancha criminal’”, disse Caetano, mais uma vez.


O FLUMINENSE


AVALIE:

 

Enviar para amigo Imprimir

Comente a Notícia

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Grupo O Fluminense. Mensagens que contenham ofensas, acusações e palavrões ou xingamentos não serão publicadas.

Comentários

Esta matéria possui 37 comentário(s)
  1. Allyson Silverio - 28/03/2012 - 14:17

    Aqui na Travessa Santa Rosa do Viterbo, foram dois assaltos a pedestres em duas semanas.

    O que vemos é um total descaso do poder público para o problema, o mesmo não acontece com as Barcas S.A tendo em vista o destacamento de um carro de polícia que é mantido durante todo o dia em frente a estação de Niterói para garantir a integridade do patrimônio da empresa.

    Obrigado DesGovernador

  2. Angela - 28/03/2012 - 15:04

    A violência que realtam aqui sempre existiu e não aumentou em função das UPPs ou coisa que o valha, o que está relatado aqui é apenas porque hoje temos mais visibilidade e informações porque dispomos de câmeras e internet para divulgar com rapidez, oque antigamente ficava no "ouvi dizer..."
    Moro em Niteroi desde 1978 e assaltos tanto no Ingá quanto em Santa Rosa e também em Icaraí sempre aconteceram.

  3. Dexter - 28/03/2012 - 15:04

    Nada como uma Ação Comunitária. Vamos lá, gente, é hora de preparar as trincheiras para o "front" : estamos em guerra. Acho que está faltando comunicação, integração e criatividade. Em contrapartida tá sobrando medo em TODOS, e é isso que a parte sombria deseja para agir: e está agindo.Não se trata de "suposto aumento de assaltos", a realidade é sinistra mesmo com registros em BO. Esse trâmite burocrático parece não surtir qualquer efeito, parece placebo. Medo é para bandidos, não para nós.

  4. Angela - 28/03/2012 - 15:08

    Há coisa de 6 anos mais ou menos houve assaltos no prédio da faculdade de Direito;
    Em 2010, assaltaram vários prédios do campus do Gragoatá, e levaram equipamentos de audio, vídeo e computadores.
    Na Rua Presidente Pedreira, por volta do ano 1999 ou 2000 houve uma série de assaltos no Bairro bastante tranquilo e cheio de casas de São Francisco.

  5. tthor - 28/03/2012 - 15:10

    Esta situaçao, esta ocorrendo desde o ano passado e percebe-se claramente que nada esta sendo feito, esta cada vez pior,e assim seguira ate que os covardes e omissos moradores desta cidade resolvam se unir e reagir. Nao existe outra soluçao.Temos um numero ineficente de policiais, sem falar nos envolvidos com a criminalidade que nao sao poucos. Ha mais de 600 mil habitantes em niteroi esperando a soluçao cair do ceu.

  6. Rodrigo - 28/03/2012 - 14:16

    Vamos fazer passeatas por toda cidade pra ver se colocam policiamento comunitário em todos os bairros. O povo de São Francisco se mexeu. Falta o resto da cidade gritar bem alto também.

  7. Angela - 28/03/2012 - 15:12

    No mesmo período (1998 a 2000)houve confronto de duas facções de traficantes e tentativa de invasão do morro do Palácio, pela facção que dominava o morro do Estado, que transformou a rua Presidente Pedreira em verdadeiro campo de batalha, sendo os "invasores" encurralados pela PM na pracinha do Ingá, em frente à Igreja e a antiga casas Sendas.
    No ano de 2004 houve uma série de assaltos e arrastões no centro de Niteroi, inclusive no Plaza Shopping.

  8. REGINA - 28/03/2012 - 14:07

    Por aqui no Ingá também a coisa anda pra lá de terror! Os estudantes que transitam pela Rua José Bonifácio, indo em direção a Rua Lara Vilela, IACS, são constantemente abordados por sujeitos que sabemos que não são daqui. Quem dará segurança aos estudantes da UFF e moradores?
    Desejamos ver o mais breve possível uma providência nestes Bairros, São Domingos, Ingá, Boa Viagem, enfim, toda NIterói está sofrendo com a criaçao das UPP do Rio. SOS governantes!

  9. Eu mesmo - 28/03/2012 - 13:27

    Está feia a coisa em Niterói. No domingo o gerente da padaria ao lado do posto Shell na Noronha Torrezãoem Santa Rosa foi sequestrado e levado em seu carro quando sai do serviço. O resgate foi pago e nada dele ser achado. Todo mundo ali sabe que o Serrão está em "poder" dos bandidos que vieram do Rio e nada é feito. Na trevssa Iara casa e apartamentos já foram assaltados e a única coisa que a polícia diz é que só prende com testemunha.

  10. Gabriel Carvalho - 28/03/2012 - 13:40

    a situação é simples enquanto os fdp da segurança pública fazem ações na Capital para gringo ver na tv anunciando que vão "entrar para pacificar uma determinada favela" e anunciam com 2 semanas de antecedência para que todos os bandidos do local conseguirem sair com seus pertences para mudarem-se para Niterói, Região dos Lagos ou Região Serrana. Eu vejo isso como politicagem de araque com o abjetivo de manter os seus funcionários (os bandidos) em ação para arrecadar fundos de campanha.

  11. Diego Silva - 28/03/2012 - 13:42

    Ontem no largo do marrão extamente em frente uma cabine a Polícia que ultimanente encontra-se fechado, um carro quebrou com 5 pessoas muitos mau encaradas e desconfiados, passei muito rapido a noite e logo depois chegou outro carro em alta velocidade para socorrer ele e entraram em uma rua em direção ao colegio centrinho. na veredor duque estrada, pe pequeno, na rua do salesiano, proferssor otacilio está muito perigoso por assaltos em residencia e pedestres e motoristas, nao tem policiamento!

  12. Olcimar Costa - 28/03/2012 - 15:12

    Macaco Tião só quer entender:

    Por que de um bom tempo pra cá, toda a nossa abençoada e acolhedora cidade de Niterói, tem sido o alvo preferido da criminalidade diversa, sem que os altos índices de violência, até então coletados e divulgados na mídia, pelos órgãos de pesquisas, que só tendem, a crescer, estimular e corroborar cada vez mais com a certeza da impunidade imperante no dia-a-dia do niteroiense incauto, alarmado e "abandonado" pelo Poder Público em todas as esferas de segurança?

  13. MSSS - 28/03/2012 - 15:25

    No Fonseca continua tudo como sempre.

    Motoqueiros suspeitos andando com acompanhante na garupa na CONTRAMÃO pelas ruas do bairro de MADRUGADA.

    As pessoas saem para trabalhar e são ssaltadas, estupradas e até assassinadas.

    Desova de corpo em plena Alameda.

    Tráfico ''formiguinha'' acontecendo nas esquinas e plataformas de ônibus.

    Assaltantes invadindo escolas, casas e até a igreja de São Lourenço

    E para fechar a orda de traficantes do Rio, jogada em Niterói pelas UPPs do Cabral,fazem a festa

  14. luciane - 28/03/2012 - 15:46

    alysson, nem soube disso! como foi isso?

  15. Daniel - 28/03/2012 - 15:50

    Pior que sabemos bem que não são bandidos de Niterói. O Rio fica fazendo a espuma deles para parecer que está tudo muito bem, mas não prendem ninguém.
    E esses animais (não são gente) vem para cá, que está despreparado e sem a menor condição de dar jeito nessa pouca vergonha.
    Não dá para Niterói passar mais medo e terror.
    Basta.. vamos para as ruas!!!!

  16. Renata Gomes Fernandez - 28/03/2012 - 15:51

    Nego sabe em que mato botar fogo!!! Niterói tem q parar de choramingar e pedir ajuda da PM , q agente sabe q não é confiável. Todo mundo tem q se unir e se entrabucar (mas saber usar) . Entrou em casa azeitona em cima deles!!!

  17. Neiva Daudt - 28/03/2012 - 17:19

    Sou moradora do Jardim Icaraí nas proximidades do colégio Salesianos e ali a coisa está muito feia, da minha janela assisto a assaltos constatntes na esquina tanto a pedestres como a carros que param no sinal da geraldo martins com a Mariz e Barros isso não de madrugada é a luz do dia mesmo. Temos muito medo de ficar em frente ao portão para abrir o portão do prédio ao chegar do trabalho.

  18. Neiva - 28/03/2012 - 17:20

    Sou moradora do Jardim Icaraí nas proximidades do colégio Salesianos e ali a coisa está muito feia, da minha janela assisto a assaltos constatntes na esquina tanto a pedestres como a carros que param no sinal da geraldo martins com a Mariz e Barros isso não de madrugada é a luz do dia mesmo. Temos muito medo de ficar em frente ao portão para abrir o portão do prédio ao chegar do trabalho.

  19. voz do largo - 28/03/2012 - 19:10

    CB Julio, JOnas macaco e Joilson, vcs com seus servico de inteligencia levantar e prederem essa quadrilha vcs é esperaca do bairro pQ 12BPM acabou so tem vcs e sua equipe para salvar.

  20. Jane Braga Moreira Melo - 29/03/2012 - 00:47

    Nunca vi uma patrulhinha passar nessa rua.

  21. Jane Braga Moreira Melo - 29/03/2012 - 00:48

    Precisamos de mais policiamento e não de mais assaltantes.

  22. Pedro Costa - 28/03/2012 - 21:30

    que legal q tá Niterói. Ninguém dá queixa na polícia pq nunca dá em nada. e a polícia fala q não faz nada pq ninguém dá queixa. Estamos avançando. ..

  23. Ane Viegas - 28/03/2012 - 21:44

    Jah pedi a 2 meses para consertarem 2 lampadas queimadas dos postes da iluminaçao publica e nada fazem, a prefeitura recebe em dia meu pagamentos de iluminaçao publica na conta da Ampla mas resolver meu problema ateh agora nada e mais tem uma Van largada na rua a anos jah pedi no disque denuncia para retira-la do caminho pq pode servir ateh como esconderijo de gatunos na escuridao da rua e também nada da policia recoler esta van largada na rua. Sao pequenas coisas que melhorariam a segurança.

  24. CB JULIO 12 BPM - 28/03/2012 - 21:59

    Senhor voz do largo, ontem houve uma reunião com o chefe operacional do 12º BPM no Centrinho, Largo do Marrão, fora implantado um policiamento "VTR", com dois PPMM que foram apresentado aos moradores do Pé Pequeno, aos poucos a tranquilidade irá voltar ao bairro. Agora, quanto ao levantamento desses marginais, a 77 DP e a P2 do 12º BPM já estão trabalhando nisso. Peço a quem souber de alguma coisa que denunciem esses criminosos, DD 2253-1177 ou p2 12ºBPM 2717-6865, ou até mesmo para mim (CONT>>)

  25. CB JULIO 12 BPM - 28/03/2012 - 22:03

    (Cont). Se quiserem me passar as informações, estarei no Largo do Marrão. Podem confiar, o que eu puder fazer por vcs eu farei. Um abraço a todos os moradores de bem que moram em Niterói.

  26. mar - 28/03/2012 - 23:55

    Não temos policiais suficiente para Niterói. Vão colocar alguns policiais em Santa Rosa, mas vão com certeza, descobrir outros lugares.
    Pendotiba, por exemplo, não tem policiamento.
    A droga rola direto nos morros e eles não estão nem aí.
    Precisamos de mais e mais policiais. Concurso urgente!!!

  27. CB JULIO 12 BPM - 29/03/2012 - 16:38

    Senhora Cristiane, o que houve há umas horas atras foi um alarme falso, alguém está brincando ou testando a polícia, isso não pode ocorrer (trotes) pois, acaba atrapalhando o trabalho da PM ou PC. Agora temos viatura rondando o bairro do Pé Pequeno, até mesmo o proprio CMT de CIA estava rondando o bairro. Peço as pessoas que não passem trotes para a PM.

  28. Abu Nidal - 29/03/2012 - 17:12

    Esses bandidinhos de meio-fio deveriam exercer suas "atividades" em algum país do oriente médio. Poderiam comprar passagem só de ida, por razões óbvias.

  29. Anna Cardoso - 29/03/2012 - 17:17

    Calma, gente, a polícia vai chegar em breve na localidade, é questão de dias, poucos dias. É só mais um pouquinho, vamos esperar. Vamos ter resultados surpreendentes.

  30. Wolfman - 29/03/2012 - 13:05

    Como não dá para se proteger nas ruas, pelo menos a nossa família, nosso LAR vamos defender a qualquer custo. Enquanto a ajuda oficial não aparece, ação/reação . Meteu a cara no portão ou subiu o muro vai tombar. E mais um detalhe: essa proposta não é tão original quanto possa parecer. Com certeza já tem muita gente praticando essa modalidade com os seus próprios recursos, ainda que modestos. É de se lamentar que nem todos os moradores o façam . "Eliminar a fera não é pecado".

  31. Horse - 29/03/2012 - 14:43

    Tenho sistema de segurança sofisticado em volta de minha casa com empresa de monitoramento e lcd ligado em todos os comodos. Vai aqui a minha experiência. Não caiam na conversa dos seus vizinhos de virarem "delegacia", olha minha casa, olha aí nas câmeras um cara estranho... etc. Vc vai ouvir muitas conversinhas de vizinhos q inventam q viram bandidos olhand p tua casa; com o intuito de vc melhorar seu sistema para fazer a segurança deles. Cobre a mesma coisa q vc tem.

  32. Cristiane - 29/03/2012 - 14:44

    Pelo visto tivemos mais um assalto agora pouco em uma casa na rua do Pé Pequeno... helicoptero da policia fazendo ronda, carro da polícia rodando tb e mais uma vez os bandidos foram embora... pelo menos dessa vez estamos vendo polícia! Espero q peguem logo esses bandidos e nao tenham pena desses animais... cadeia p eles é pouco! Pessoas assim nao merecem viver!!! Que tal a policia colocar blitz em pontos estratégicos? Que tal policiais fazerem ronda a paisana? SANTA ROSA PEDE SOCORRO!!!

  33. Rubens - 30/03/2012 - 06:20

    “Terror aos bacanas” : a unica coisa que tenho a dizer sobre isto é , sim, infelizmente, porem, os bacanas não precisam se esconder da policia, os bacanas podem viajar e tentar levar uma vida mais normal que os parasitas.

  34. yuri - 01/04/2012 - 19:52

    tem que fazer mais operações no fonseca no cubango
    pra reprimir esses moto taxi não (moto trafico) que ajuda a bandidagem a fazer bondes botas aqueles motoqueiros pra fazer a limpa na rua são josé tambem ouviu cb julio

  35. Paula - 02/04/2012 - 12:47

    Gente precisamos fazer algo, nossos pais e nossos filhos podem ser as próximas vítimas desses bandidos....ONDE ESTAM OS POLICIAIS...SANTA ROSA ESTA UM PERIGO...

  36. A voz da Martins Torres - 03/04/2012 - 23:06

    Fala aí meu povo, a coisa tá feia. Aqui na Martins TOrres, que pouco se falava em assalto a pouco tempo, já somaram-se 5 em uma semana, e um inclusive em frente a guarda do Hospital da Polícia Militar. Os caras estão abusados d+, estão testando a PM, só pode ser. Aqui era um local respeitado, pois alguns policiais não deixavam virar bagunça, mas o respeito acabou. Assalto a mercado levando mercadorias em frente a guarda do Hospital da PM, casa assaltada, bar, padaria, locadora armadilha, banca.

  37. A voz da Martins Torres - 03/04/2012 - 23:08

    A coisa realmente está esquisita, queremos a policiamento comunitário de volta. Alô GAT, cadê a moral pô, a coisa tá feia, precisamos de vc's! A MArtins TOrres confia na PM

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.